CADASTRO HABITACIONAL CONTINUA SUSPENSO EM INDAIATUBA

 CADASTRO HABITACIONAL CONTINUA SUSPENSO EM INDAIATUBA

Novos cadastros e atualizações foram interrompidos por conta da pandemia

A Prefeitura de Indaiatuba informa que ninguém será prejudicado com a suspensão do cadastro habitacional junto à Secretaria Municipal de Habitação. O cadastramento e a atualização, que são realizados presencialmente no Paço Municipal, foram interrompidos no dia 20 de março deste ano em razão da pandemia de Covid-19 e, por enquanto, não há data prevista para o retorno.

O secretário da pasta, Emerson Magno Valle, esclarece que embora a lei municipal nº 6.812/2017 determine que a atualização tenha que ser feita a cada seis meses, esta norma também está temporariamente suspensa. “Logo que forem lançados novos projetos habitacionais e a pandemia estiver mais controlada vamos retomar a realização de novos cadastros e também as atualizações de forma tranquila e organizada. As pessoas não precisam se preocupar, pois informaremos a população no momento oportuno quando definirmos a retomada do cadastramento habitacional no município”, disse.

Mais informações pelos telefones: 3834-9367 / 3834-9179 ou 3834-9041

CÉU AZUL RESIDENCIAL

O Céu Azul Residencial será o primeiro grande empreendimento de habitação popular de Indaiatuba, depois da inauguração do Residencial Campo Bonito. O projeto está em fase de aprovação final junto ao Graprohab (Grupo de Análise e Aprovação de Projetos Habitacionais do Estado de São Paulo) e depois seguirá para aprovação pela Caixa Econômica Federal. As obras deverão ser iniciadas no segundo semestre de 2020.

Situado no bairro Mato Dentro, o residencial será composto por 1.608 casas sobrepostas em área de 210.343,57m² pertencente à administração municipal. No total serão construídos seis condomínios, cujas casas serão compostas por dois quartos, sala, cozinha, banheiro e lavanderia. Os imóveis térreos terão 44,44m² e os superiores 43,67m². A área comum contará ainda com quadra poliesportiva, salão de festas com churrasqueira, piscinas, playground, academia ao ar livre, horta e pomar.

O programa habitacional vai atender famílias a partir da faixa 1,5 do Programa Minha Casa Minha Vida do Governo Federal.

Foto: Arquivo – Eliandro Figueira RIC/PMI

Raphaela Vitiello

Related post

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.