Elas são o que querem ser: Ana Paula S. Bizetto

 Elas são o que querem ser: Ana Paula S. Bizetto

Na edição de março da Revista Imediata foram convidadas MULHERES empreendedoras e empoderadas, para contarem suas respectivas histórias, desde dificuldades enfrentadas ao longo da carreira, até pontos positivos, então, Ana Paula conta um pouco de sua trajetória.

ANA PAULA S. BIZETTO, nasceu em Goioerê/PR e vive em Indaiatuba desde 1991. Casada, a empresária do comércio junto ao marido Jefferson Bizetto, comanda a Renova Clima Ar Condicionado.

A empresa é especializada em climatização de ambiente seja ele residencial, comercial ou industrial, oferecendo desde o projeto de infraestrutura, venda de aparelho, instalação e a manutenção.

O início da Renova Clima se deu em 2015 em meio a uma crise financeira familiar provocada pelo desemprego, com o sério objetivo de superar o desafio e conquistar o mercado regional. E foi o que aconteceu. Com sede em Indaiatuba, hoje a empresa atende não só a cidade, mas a região, fidelizando clientes por meio de uma prestação de serviços de qualidade e que há quatro anos se tornou um diferencial entre os comerciantes do setor.

Parceira de uma das principais distribuidoras de Ar condicionado do País, a Renova Clima tem como grande aliada a PoloAr/STR que oferece total segurança ao consumidor com os melhores e mais modernos produtos do segmento, alta tecnologia e preços competitivos.

Focados e comprometidos, a transparência está representada no pós venda que a empresa desenvolve completando a execução total dos serviços. Estudando projetos e atendendo as necessidades individuais dos clientes, a Renova Clima tem alcançado excelentes resultados e uma fidelização que gera indicações muito positivas.

O que a levou a ter um negócio próprio?
Em meio à crise de 2015 eu e o Jefferson perdemos os respectivos empregos. Com filhos para criar e contas para pagar não nos restou outra opção a não ser empreender na atividade que ele dominava. Acreditamos no dom que Jefferson tinha e no que gostava de fazer. Mesmo com receio, tivemos de nos lançar no mercado e com uma boa dose de coragem nos tornamos empreendedores.

Como é estar à frente num negócio de maioria masculina?
Não tenho dúvida, tudo que uma mulher se lança a fazer é desafiador. O bom é que há muito tempo deixamos de ter medo dos pré-julgamentos e julgamentos diários. Seja para manobrar um carro ou dirigir uma empresa, uma platéia está sempre pronta para dizer: “Só podia ser mulher”… Mas somos de uma geração que não se rendeu ao preconceito, que cai, se levanta e assume posturas sem medo de errar. Aqui na Renova Clima o homem é o cabeça, mas o pescoço que orienta a rotação é uma mulher. Ela não está na frente, nem atrás, mas caminha junto, numa parceria que dia após dia busca manter-se no sucesso.

Em uma palavra, o que é sucesso? CONFIANÇA

Raphaela Vitiello

Related post

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.