Sem vacinas suficientes, prefeito da cidade do RJ muda público alvo para 60 anos e provoca tumulto

 Sem vacinas suficientes, prefeito da cidade do RJ muda público alvo para 60 anos e provoca tumulto

O prefeito de Duque de Caxias, terceiro maior município do estado do Rio, decidiu diminuir a faixa etária do público-alvo de vacinação de 80 anos para a partir de 60 anos. A cidade tem uma população estimada de 86 mil habitantes nessa faixa etária, segundo o último Censo do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). A prefeitura só disponibilizou 6.100 doses para imunizar a população nesta sexta-feira (5), suficiente para 7% do grupo.

O anúncio atraiu, inclusive, pessoas de outras cidades e estados. O resultado é uma aglomeração enorme e quilômetros de filas de carros desde a madrugada.

A imunização começou às 7h em nove pontos de vacinação — um deles drive thru — instalados no distrito de Xerém. Não é preciso apresentar comprovante de residência.
Antes das 6h30, a fila de carros para vacinação pelo sistema drive thru já passava de 4 km, como mostrou o Globocop. Muitos moradores madrugaram ou até chegaram um dia antes para garantir o atendimento. Eles reclamavam de falta de organização antes mesmo do início da imunização.

“Cheguei 4 horas da manhã e já estavam com papelzinho distribuindo número. E agora a própria população tá tentando se organizar para evitar tumulto”, disse um homem.
Sem a obrigatoriedade de comprovar ser residente de Caxias, muitos carros são de outros municípios, como Macaé, Contagem, Rio de Janeiro e Belford Roxo, e até de outros estados.

Alguns motoristas deixaram o carro na fila para guardar lugar e foram para casa para dormir.

Fonte: G1

Foto: Reprodução / TV Globo

Raphaela Vitiello

Related post

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.