SÓ INDICAÇÕES NÃO BASTAM PARA UM VEREADOR

 SÓ INDICAÇÕES NÃO BASTAM PARA UM VEREADOR

“Lembro que a certa altura da minha jornada profissional, eu comecei a ouvir de meus amigos empresários que merecíamos um representante na Câmara, e que eu deveria ser o cara. Eles me incentivaram e acabaram por me convencer que na política eu teria a chance de fazer a diferença para muitas pessoas. Assim como meus amigos, conjecturei que eu seria um vereador cheio de projetos realizáveis como o homem que eu sempre fui à frente de minha empresa”, abre dizendo nessa entrevista, o pré-candidato a prefeito de Indaiatuba, Edvaldo Bertipaglia.

O tempo passou, Edvaldo se candidatou, ganhou as eleições e três anos se foram sem que ele pudesse fazer mais do que dobrar o seu salário na câmara, com seu próprio dinheiro, e passar a ajudar mais pessoas com remédios, aluguéis, cestas básicas, empregos… Já que não houve espaço para nenhum de seus projetos na prefeitura.

“E eu já apresentei indicações muito boas. Só para a Educação me lembro de quatro delas que poderiam ter mudado universo de muitos jovens: A Indicação 5/2017, por exemplo, era para implantar no Ensino Fundamental o projeto Maria da Penha vai às Escolas. Hoje, observando o crescimento da violência contra a mulher em Indaiatuba, talvez o projeto tivesse salvado algumas vidas e evitado o comprometimento de outras, mas na época, o prefeito sequer leu”, conta o vereador.

Outra indicação que envolve a Educação foi a 116/2018 que visava a implantação da educação financeira na rede municipal de ensino seguida da 844/2018 que sugeria aulas sobre empreendedorismo. Ainda na mesma linha, a FIEC ganhou de Edvaldo a Indicação 605/2019 para implantação de curso de comissária (o) de bordo e outras carreiras ligadas à aviação, aproveitando a proximidade de Indaiatuba com Viracopos e gerando oportunidade de emprego para os jovens da cidade.

“Fico me perguntando por que uma cidade tão próspera, que busca novos moradores com propagandas de TV em rede nacional, não tem seus sistemas e processos totalmente informatizados, por exemplo? O que se esconde quando se evita administrar com mais transparência?”, e emenda… “Penso que os recursos podem e devem ser utilizados com mais foco. Que as negociações entre fornecedores e prefeitura podem ser mais precisas e baratas preservando a mesma qualidade, a começar pela busca de produtos em fornecedores locais. Ou seja, maior fiscalização e transparência sobre os processos, atendendo aos anseios da população em geral e dos empresários”.

Foi pensando dessa forma que Edvaldo apresentou a Indicação 1158/2019 para implantação de um sistema informatizado para agilizar a liberação de alvarás, no caso de determinadas atividades que não necessitam de vistorias, integrando todos os setores competentes para a liberação online da documentação. Além dela, na administração, também apresentou a Indicação 1304/2017 para implantação do IPTU Zero que, além de gerar descontos, fortalece o comercio local e fomenta as vendas, fixando o consumidor na cidade.

“Essas são só algumas das minhas ideias para as quais o prefeito Nilson Gaspar nunca deu atenção. Por essas e por outras é que uma candidatura a prefeito ou uma boa aliança onde eu possa utilizar a minha experiência gestora e política serviria muito a cidade de Indaiatuba de uma forma mais honesta e transparente. Assim, num futuro breve com união e consenso, nós pré-candidatos podemos viabilizar uma eleição 2020 menos polarizada que é o que eu espero para brigar pela cadeira no executivo”, conclui o atual vereador.

ASSESSORIA DE IMPRENSA DO VEREADOR EDVALDO BERTIPAGLIA.

Raphaela Vitiello

Related post

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.